terça-feira, 7 de março de 2017

Secretaria da Saúde realiza teste rápido de HIV no Dia Internacional da Mulher

Para marcar o Dia Internacional da Mulher, a Secretaria da Saúde promoverá nesta quarta e quinta-feira, 8 e 9 de março, mais uma atividade da mobilização “Fique Sabendo”, das 8 às 13 horas, na Praça da Lagoinha, Centro de Fortaleza, para a realização do teste rápido para HIV. Feito através do fluido oral, o teste rápido, de triagem, é disponibilizado pelo Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais do Ministério da Saúde. Esse exame detecta anticorpos contra o HIV no fluido oral da pessoa e fornece o resultado que pode ser analisado a olho nu, em até 30 minutos. Ele pode ser executado em qualquer local. Nos casos de resultados reagentes, os profissionais responsáveis pela entrega do exame farão o segundo teste confirmatório e encaminharão a pessoa ao serviço especializado.

Saber do contágio pelo HIV precocemente aumenta a expectativa de vida do soropositivo. E quem busca tratamento especializado no tempo certo e segue as recomendações do médico ganha em qualidade de vida. Já as mães soropositivas têm 99% de chance de terem filhos sem o HIV se seguirem o tratamento recomendado durante o pré-natal, parto e pós-parto. Por isso, se a pessoa passou por uma situação de risco, como ter feito sexo desprotegido ou compartilhado seringas, é importante fazer o exame. Na última mobilização “Fique Sabendo”, realizada nos dias 1º e 2 de dezembro de 2016, também na Praça da Lagoinha, foram feitos 260 testes rápidos para HIV.

No Ceará, 16.790 casos de aids foram notificados entre os anos de 1983 a junho de 2016. O coeficiente de mortalidade no Brasil é de 5,7 por 100 mil habitantes. A taxa no Ceará vem se mantendo abaixo da média nacional desde 2007, variando entre 3,0 a 4,4 óbitos por 100 mil habitantes no período. Na série histórica da taxa de detecção de casos de aids em adultos percebe-se gradativo aumento até o ano de 2012 chegando a 12,4 casos por 100 mil habitantes, com discreto declínio nos anos posteriores. A maior ocorrência da doença no Estado se dá na faixa etária adulta de 30 a 39, seguida dos adultos jovens de 20 a 29 anos. De acordo com a atualização semanal das Doenças de Notificação Compulsória, referente à Semana Epidemiológica 7, publicada pela Secretaria da Saúde do Estado, foram confirmados 22 casos de infecção por HIV, 11 de aids e dois óbitos pela doença em 2017.

Dia da Mulher no Vapt Vupt
Ainda em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a Secretaria da Saúde do Ceará também promoverá uma programação especial nas centrais do Vapt Vupt que ficam próximas aos terminais de ônibus dos bairros Antônio Bezerra e Messejana. As atividades ocorrerão nesta quarta e quinta-feira, dias 8 e 9, às 9 horas. Estão programados serviços de orientação sobre estética facial e aleitamento materno.
 Assessoria de Comunicação da Sesa

Nenhum comentário:
Write comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.